segunda-feira, 11 de abril de 2011

Procissão de Passos em Vila Franca

Depois da belíssima Procissão de Passos em Ponta Garça, no V Domingo da Quaresma, tem lugar, no próximo domingo, 17 de Abril, Domingo de Ramos, a Procissão de Passos em Vila Franca do Campo, pelas 17.00 horas. Tradição secular, promovida pela Santa Casa da Misericórdia, a abrir a Semana da Paixão.

9 comentários:

JBS disse...

Contava ver a belíssima Procissão de Passos da minha mui amada terra... Tal pena, mas que majestade a de Vila Franca - gostei.

JBS disse...

Contava ver a belíssima Procissão de Passos da minha mui amada terra... Tal pena, mas que majestade a de Vila Franca - gostei.

JBS disse...

Contava ver a belíssima Procissão de Passos da minha mui amada terra... Tal pena, mas que majestade a de Vila Franca - gostei.

JBS disse...

Se uma não dá, insists-se; se duas ainda não chegam, talvez estejam desatentos...Então impõe-se a derrsdeira questão, leiam! Mas, coitada gente, se mesmo assim não lerem, olhem, vão vocemecês andando, mas caminhem pela sombra -tá?

JBS disse...

aSe uma não dá, insista-se; se duas ainda não chegam, talvez estejam desatentos...Então impõe-se a derrsdeira questão, leiam! Mas, coitada gente, se mesmo assim não lerem, olhem, vão vocemecês andando, mas vão pela sombra -tá?

Anónimo disse...

Calma! Calma! Há vida para além da Canada...

Anónimo disse...

Ao chegar a casa descansado,
Assustei-me ao ver o correio,
Um envelope mui bem selado,
Com o meu nome mesmo no meio...

Já me via indo p'ró Tribunal,
Pois vinha também naquela carta
O nome do casuístico real
Que as injustiças aparta...

Mas, meu Deus, outra coisa era,
Visão, delírio ou quimera...

A Identidade é referência,
Com novidades das Casas do Frias,
É jornal de amor e paciência
Do nobre advogado das Sacristias!

Um abraço
NB Gomes

Anónimo disse...

Quanto a mim que tambèm fui comtemplada com um exemplar do envelope em referência, tenho a dizer que são estes projectos atitudes e vivências que nos confortam a alma e nos servem de esteio quando nos deparamos com a futilidade e desnorte, males da sociedade actual.
Bem hajam!

Família Botelho de Gusmão disse...

Os nossos agradecimentos!